Sacola de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

Creme Nutri Hidratante de Veneno de Abelhas 25g - apitoxina
Casa do Apicultor
Product ID: 243
Product SKU: 243
New In stock />
Creme Nutri Hidratante de Veneno de Abelhas 25g - apitoxina

Creme Nutri Hidratante de Veneno de Abelhas 25g - apitoxina

Marca: Casa do Apicultor
Ref: 96
 
Simulador de Frete
- Calcular frete

Uma evolução da nossa tradicional Pomada de Veneno de Abelha, comercializada desde 1997, agora com maior concentração de Apitoxina (o veneno de abelha), mais Própolis, que protege eliminando e prevenindo manchas de pele e também um novo ingrediente, o Pólen Apícola que nutre e fortalece o tecido da pele em profundidade até a parte subcutânea. Esse efeito cosmético anti-rugas é obtido usando ao dormir e melhor ainda se usado também durante o dia, podendo sair ao sol. Já a ação anti-inflamatória do veneno de abelha é indicado como tratamento natural para sinusite, rinite, artrite, tendinite, bursite, esporão, nervo ciático, etc. Basta usar 3 vezes ao dia sobre a parte dolorida.

O Creme Hidratante com Veneno de Abelhas da Casa do Apicultor, tem como principal característica as propriedades anti-inflamatórias da apitoxina (veneno da abelha), é como levar uma ferroada de abelha, porém em dose menor e sem dor. O veneno de abelha também possui efeito cosmético, pois a melitina presente no veneno faz o corpo entender que a pessoa foi picada. Em consequência disso, estimula a circulação de sangue na pele, faz aumentar a produção de colágeno, melhorando a elasticidade, e impulsiona a renovação celular. Devido a essas características, o efeito do veneno de abelha tem sido comparado ao de uma aplicação de botox, o que faz com que o Creme Nutri Hidratante de Veneno de Abelhas da Casa do Apicultor seja chamado de botox natural. A princesa Kate Middleton, Michele Pfeiffer entre outras celebridades são exemplos de pessoas que utilizam o veneno de abelha para manter a beleza, amenizando as marcas da idade.

A Melitina, principal componente do veneno de abelha, é um polipeptídeo com 26 aminoácidos, os quais representam 40 a 60% do veneno das abelhas. Quando usada topicamente, interage com a pele, mantendo-a mais firme e uniforme

Indicação para uso cosmético:

Para pessoas de todas as idades que querem retardar o envelhecimento da pele ou apresentam sinais de envelhecimento precoce.

Modo de usar:

Aplique o creme diretamente nas costas da mão, no rosto e no pescoço, previamente limpos e secos. O produto não deve ser aplicado nas pálpebras superiores e inferiores, pois como qualquer outro creme, poderá causar irritações.

Pode ser intercalado com hidratantes ou outros cremes faciais.

OBS.: O creme não contém filtro solar, mas você pode aplicar o creme e em seguida passar o filtro, fazer maquiagem, sem problema algum.

Vários estudos apontam a melitina com propriedades de ação anti-inflamatória, por esse motivo muitas pessoas têm usado as picadas de abelhas para tratamento alternativo de combate a processos inflamatórios como bursite, rinite, reumatismo, artrite, nervo ciático e várias outras enfermidades......

Para quem não quer levar ferroadas como tratamento, nosso Creme Nutri Hidratante com Veneno de Abelhas também é uma alternativa nesses processos de inflamação e deve ser aplicado 4 vezes ao dia nas regiões com dor sem o inconveniente da dor e do inchaço da picada.

Veja outras propriedades da melitina:

- estimula a hipófise-adrenal na liberação catecolaminas e corticol, o que lhe confere efeito anti-inflamatório que alivia a dor crônica (LEE et al., 2005);

- possui amplo espectro de atividade antimicrobiana, sendo capaz de combater diversos patógenos (WEINBERG, 2001);

- age no sistema cardiovascular, provocando contração dos músculos lisos e do músculo cardíaco. Promove, deste modo, a contração dos capilares e diminuição da pressão arterial (MARSH e WHALER, 1980)

- atua no sistema nervoso central, bloqueando a transmissão de impulsos nervosos, o que provoca um efeito anestésico (LEE et al., 2001);

- tem sido aplicada na elaboração de formulações cosméticas destinadas à recuperação do tecido epidérmico, porém sem comprovação de sua eficácia. Suspeita-se que ela interaja sinergicamente com as fibras do colágeno. Desta forma, a melitina tem sido apontada como uma potencial substituta da toxina botulínica no tratamento cosmético facial (TRILIVAS, 2001)

 

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características